Nossas especialidades:

  • Focamos em pequenas e médias empresas;

  • Marketing Digital focado em resultados reais;

  • Excelência em peças publicitárias;

  • Gestão completa de mídias sociais;

  • Consultoria de SEO e otimização de sites;

  • Cativamos através do Marketing de Conteúdo;

Please reload

Leia mais sobre Marketing Digital:

Por que a Agência Implantes?

Somos uma agência especializada em pequenos e médios negócios. Com foco em resultados reais e mensuráveis, usamos de estratégias de comunicação para atingir o seu cliente ideal, de forma inteligente, segmentada e relevante, sempre trabalhando de acordo com as metas que você deseja bater. Geramos autoridade e novas oportunidades de negócio para a sua empresa.

© 2017 Agência Implantes

3 dicas que você precisa saber para vender mais

October 6, 2017

 

Separamos algumas dicas valiosas para que você bata todas as suas metas de vendas!

 

Muitos de vocês devem se lembrar de algum filme ou série em que o protagonista é um vendedor nato: bem sucedido, apático e, é claro, presenteado com um enorme poder de persuasão. Esse personagem, muito provavelmente, tinha apenas um objetivo em mente: o dinheiro.

 

E esse realmente era um ótimo cenário.

 

Isto é, para alguns anos atrás.

 

Estamos em 2017, e beiramos mais um novo ano. Obviamente, essa não é a postura esperada de um vendedor hoje em dia e, se você ainda adota a mesma estratégia deste lobo solitário dos filmes de Hollywood, comece a lamentar... Isso vai te causar grandes problemas.

 

O processo de venda, é claro, continua sendo cada vez mais complicado. Muitas das pessoas acreditam, fielmente, que vender é um dom raro.

 

Mas , na verdade, habilidades de venda devem ser aprendidas e aprimoradas constantemente, se desenvolvendo com o tempo. Você deve visar as qualidades certas.

 

 

Ajude sua clientela!

 

Como havia dito: os tempos mudaram!

 

Pare de pensar que o seu único objetivo real é fechar vendas e ganhar dinheiro. Comece a entender seus clientes e seja capaz de ajudá-los!

 

Já passamos da hora de abandonar estratégias falhas, como empurrar produtos goela abaixo do seu consumidor. Compras são ligadas a um sentimento de felicidade, de satisfação pessoal. Faça com que sua persona sinta isso em sua pele!

 

  

Seus clientes querem sentir que estão comprando algo que realmente agrega valor para suas vidas! Já pensou se alguém te obrigasse a comprar algo que você não precisa? As coisas já não funcionam mais deste modo.

 

Grande parte dos consumidores sentem-se incomodados, ou, até mesmo, ameaçados com essas abordagens. É a coisa mais fácil do mundo ir até um concorrente ou simplesmente comprar on-line, certo?! Quanto mais você ganha reputação como um vendedor agressivo (e vai ganhar), mais torna-se complicado cativar seu público e transformá-los em clientes.

 

Essa estratégia, de vender só por vender, é uma solução de rotatividade de clientes. Você não vai reter clientes fiéis - o que é uma das bases de qualquer empresa bem sucedida. Você precisa encantar sua clientela e fidelizá-la!

 

Lembre-se: clientes fiéis e satisfeitos são suas maiores ferramentas de marketing.

 

Como já discutimos sem parar em posts anteriores, vivemos numa era que transborda informação, e é extremamente simples e fácil procurar informações de uma empresa online ou, até então, recorrer ao recurso de avaliações de terceiros e saber o que outras pessoas acham do serviço ou produto que você oferece.

 

Não se engane: os compradores não são os mesmos de antes. Eles estão muito mais espertos.

 

Portanto, estabeleça confiança e seja transparente ao ajudar o seu cliente a formar uma solução real para ele. Você não precisa enganar ninguém para que seu negócio tenha bons resultados.

 

 

Conheça o seu produto.

 

Torne-se um especialista naquilo que você vende!

 

É extremamente comum um cliente ir até uma loja já sabendo tudo sobre aquele produto. Muitas dessas vezes, ele consegue saber mais do que o vendedor que está ali para atendê-lo e esclarecer suas dúvidas. Isso é um erro grave.

 

Lembre-se, era da informação! É extremamente simples fazer uma pesquisa de produto - tanto para o vendedor, quanto para o consumidor. E um vendedor despreparado pode causar dores de cabeça para empresa, denegrindo a imagem do negócio, e, muitas das vezes, gerando avaliações negativas. Essas avaliações, bem.... Tornam-se, rapidamente, conhecimento público.

 

Portanto, se especialize no que você está vendendo! Aprimore os seus conhecimentos ao máximo! Não abra brechas para que o cliente te dê aulas sobre o produto/serviço que você mesmo está tentando repassar.

 

Deste modo, o seu cliente não vai te ver apenas como um vendedor, mas como um especialista, um consultor. Lembra-se da primeira dica? Ajude o seu cliente. Isso é vital! Além de adquirir um precioso nível de conhecimento sobre o produto, você irá conseguir atender as necessidades do consumidor, encontrando soluções específicas para cada tipo de cliente.

 

Esse diferencial, por sua vez, irá gerar valor e confiança!

 

Ninguém confia em um vendedor que não tem convicção naquilo que está vendendo.

 

 

Por último, mas não menos importante: demonstre empatia e seja honesto.

 

O vendedor é, há muitos anos, manchado de uma forma muito desagradável pela sociedade. Isso se dá, principalmente, pelas duvidosas práticas de persuasão empregadas pela geração anterior na hora das vendas. Os baby boomers, muitas vezes pressionados pelas dificuldades financeiras da época, empregavam técnicas de manipulação totalmente invasivas para que conseguissem vender o produto proposto. Eram mentirosos de cara-lavada, e acabaram por sujar a imagem de grandes empresas.

 

Ao traçar um paralelo entre essa história e nosso contexto atual, fica fácil de chegar à uma óbvia conclusão:

 

Não seja agressivo em suas vendas! Evite empurrar algo que seu cliente não queira comprar, ou, pior ainda, não precise.

 

Isso pode até te gerar algumas vendas, mas, futuramente, vinculará uma reputação duvidosa à sua marca.

 

Sempre seja honesto! Mesmo que isso te custe algumas vendas, você vai acabar atraindo a clientela que realmente deseja, e, o melhor: vai tornar eles promotores do seu negócio.

 

Num futuro próximo, é provável que, aquele cliente que deixou de comprar porque você foi cruelmente honesto, volte, já que agora está no momento certo e deseja realizar a compra. Além disso, essa pessoa confiará no valor de sua empresa, desejando se tornar um cliente fiel!

 

Isso nos leva, ainda, de volta à empatia: demonstrar empatia é essencial para uma experiência de compra agradável. Colocar-se no lugar do seu cliente é indispensável para que você se torne um bom vendedor.

 

É tudo sobre conexão.

 

Entenda o que seu cliente pensa e sente. Ninguém gosta de uma pessoa que só pensa em seus interesses e objetivos próprios.

 

Deste modo, além de gerar um bom relacionamento e uma excelente experiência de compra, você também pode aperfeiçoar as suas habilidades como vendedor e alavancar os serviços da empresa. Por exemplo: quando o cliente hesitar, você pode encontrar soluções para melhorar ainda mais essa experiência.

 

Compartilhe no Facebook
Please reload

RSS Feed
Please reload

Please reload